Blog desses tempos

quarta-feira, abril 16, 2003


Ontem a Elaine me ligou � noite e me convidou para assistir "Carandiru" com uns amigos l� no Espa�o Unibanco, na Augusta. Chegando l�, eles estavam numa pizzaria. Com vergonha, preferi que o grupo chegasse para conhecer todos. Achei todos simp�ticos, mas conversei mais com o Pl�nio e com outro que tem um nome dif�cil e eu n�o lembro agora, que at� levou um livro com as obras de Frida Kahlo. Antes de entrarmos na sala, fomos at� um bar desses de esquina e o pessoal tomou uma cerveja. Reencontrei o Thiago e achei-o mais feliz, estava com uma cara boa. Ele ficou bem com o cabelo raspado. A sala estava lotada, sentamos na frente. S� que o pessoal entrou mais "atrasado" e como eu sou chato, gosto de entrar pra ver os trailers, etc, gosto de pegar lugares bons. Mas por um lado � bom que d� um tempo nessa minha maneira muito "certinha" de ser. E no final deu tudo certo, isso � que importa. Bem, o filme � bem dirigido, as c�meras est�o nos lugares certos, a fotografia � bonita...mas achei s� um pouquinho manique�sta. "�oooo, os policiais, como s�o malvados, mas os bandidos, tadinhos, s�o v�timas" Podem falar mal, me criticarem, mas eu acho que a lei deve existir para alguma coisa, n� ? Mas, como no nosso pa�s os valores s�o todos distorcidos...Apesar do manique�smo, as hist�rias s�o muito bem contadas. O Jabor falou muito bem do filme. Eu admiro o Jabor, acho-o inteligente, mas, n�o sei n�o...e al�m do que, eu sempre fui contra aquela coisa MTV de ser de glorificar a bandidagem. "Os Racionais", como suas letras s�o interessantes...". Virou moda. Fala s�rio. Garanto que os bandidos n�o pensaram em direitos humanos quando mataram aquela menina no metr� do Rio. Sei l�...

De qualquer forma, quem quiser ler uma cr�tica, achei uma no Cinema em Cena do Pablo Villa�a que eu assino embaixo.