Blog desses tempos

domingo, agosto 15, 2004

Bem, são quase três finais de semana sem postar...rs...isso aqui tá meio abandonado. Fazendo um resumo do resumo do resumo, no final de semana retrasado, minha amiga Lalai me chamou para ir com ela e três amigos na festa de uma outra amiga dela, lá no Dublin, na Vila Olímpia. Tudo bem que eu detesto aquele bairro (no sentido "baladeiro" da coisa), mas até que estava divertido. Porém, lotado. Tinha uma bandinha meio mais ou menos tocando hits dos anos 80, começaram bem, coisas como U2, George Michael e outras tantas que não lembro agora. Depois começaram a descer o nível e de banda "bateria-guitarra-baixo-vocal-teclado-ou-qualquer-coisa-do-gênero" eles começaram a "tocar", pasmem, música eletrônica ! rs Eu que no máximo consigo ouvir um Chemical Brothers ou sei lá, Morcheeba, comecei a desanimar. rs Fora que 80% das mulheres paulistanas fumam ! É impressionante, parece que um cigarro chama outro. E eu, que fui todo cheirosinho pra lá, perfumadinho, gostosinho, rs, voltei com meu blazer cheirando à chaminé. Acho cigarro INSUPORTÁVEL. Nem que a mulher seja linda, vai, se fumar, tira 99,9999999999% do tesão. E eu descobri que as pessoas me acham "sério" ! rs Por um lado, considero até um elogio. Não sei quem foi que escreveu, mas eu adoro uma frase que diz mais ou menos que você consegue julgar o caráter de alguém dependendo do que a faz rir.

No final de semana posterior, fui ao Rio, visitar a família e passar o dia dos pais lá. Foi ótimo e tive uma excelente "surpresa"...ai ai...rs

Hoje foi ótimo, a Elaine me ligou (Elaine, MUIIIIIIIIIIIIIIIIIIITO obrigado MEEEEEEEEEEEEEEEEEESMOOOOOOOOOOOOO, você não tem idéia o quanto tenho adorado sair com você, fora que você parece estar mais desencanada, não sei explicar.) e a gente foi almoçar lá no Amsterdã. O lugar é um charme, gente jovem, atendimento simpatissíssimo, pãezinhos quentinhos, saídos do forno, de entrada, depois um salmão delicioso com penne ao limão. Hummmmmmmmmm. De lá fomos ao cinema, ver "Todas As Cores do Amor" ("Goldfish Memory"), um filme irlandês MUITO alto-astral, leve, o programa perfeito para um final de tarde de Sábado. Trilha sonora com músicas de Vinícius de Moraes e Tom Jobim, um charme só, e aquele sotaque irlandês charmosíssimo. Ah sim, o filme é MUIIIIIIIITO engraçado. AMEI ! Elaine, você acertou em cheio ! :-)

Depois do cinema, encontramos com o RoSeven e um amigo, Elaine passou num sebo e comprou livros, entre eles "Olhai Os Lírios do Campo", de Érico Veríssimo. Depois nos despedimos e foi um Sábado perfeito ! Faltou só uma coisa, mas, tudo bem, vai.

E detalhe, ontem a noite foi muito perto de ser perfeita...música ao vivo, jazz, piano, saxofone...

E o sotaque irlandês, hein ? rs